Tag: podcast

Sem Foco 20 – Brasil x Suíça (Jogo 1)

Rock ON!

Saiu Sem Foco de Copa do Mundo!

Eu e @doraguerrero comentando o primeiro jogo do Brasil na Copa do Mundo 2018!

Super empolgadas!

Comentamos sobre a @dibradoras, recomendo seguí-las no Twitter.

E acompanhar na Net, canal 574 – Fox, a narração feminina delas!

Músicas usadas no Fundo:

Que Bonito é – instrumental

É uma partida de futebol, Skank – instrumental

“Na cadência do samba”, popularmente conhecido como “Que bonito é”. Composto pelo cantor, músico e compositor Luiz Bandeira (1923 – 1998), interpretada por Nelson Gonçalves.


Mancada minha:

Falei diversas vezes que o Firmino foi puxado, na verdade quem foi puxado foi o Miranda!

Se dissemos mais bobagens, deixem aí nos comentários!

Estávamos super empolgadas!

Rock OFF!!

Sem Foco 015 – Violência!

Rock ON!!!

“Achou que não ia ter programa sobre violência? Achou errado, otário!!!!”

Ah, vá? Isso por si só já é uma violência, onde já se viu chamar os ouvintes de otários?

Não, vocês não são otários, são pessoas maravilhosas.

E nem entendam que eu estou criticando o programa Choque de Cultura. Não, eles não são a pauta desse Sem Foco, gravado no Studio Pálio, no qual eu faço pequenas divagações sobre a violência nossa de todos os dias.

E também não acho que os atores são violentos no programa, vejam, são atores, seguindo um roteiro, é o papel deles dizer essas falas (Sim, estou cheia de dedos pq não quero gente que não consegue interpretar textos me agredindo de graça aqui).

Eu gosto do programa, tá?

O que não gosto de verdade é a gama de gente imitando os caras, usando as falas totalmente fora de contexto, muito agressivo sem motivo algum para isso. MAS, cada um é cada um, né? Eu não mando no podcast alheio, só aqui! E apenas quando não gravo com a Dora Guerrero, senão quem manda é ela!

 

Olha, perdi o foco!

Então, esse programa é sobre violência. Apenas um bate-papo que talvez você desista de ouvir. Ou não, de repente, você está aberto a fazer uma reflexão, dando algumas risadas, não é mesmo? Não sei.

Também contei de quando bandidos correram atrás de mim aqui em casa!! Que terrível!

Bom, é isso.

Ouçam, deixem comentários, quero saber de vocês se não estou ficando maluca!

Rock OFF!

Sem Foco 007 – Que Coisa esse It!

Rock ON!

Neste episódio do Sem Foco, chamei a mamãe Dora Guerrero para me acompanhar num bate-papo descontraído após o filme IT, A Coisa, que vimos no cinema.

Não somos especialistas, somos pessoas comuns discutindo um filme de terror. Tal qual faríamos se estivéssemos com vocês!

O Sem Foco é uma produção de @prissguerrero1 para o site http://www.rockmeon.com.br.


Músicas utilizadas nesse podcast:

Beginning

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Beginning de Audionautix está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Artista: http://audionautix.com/

Darkest_Child_A

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Darkest Child A de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100783

Artista: http://incompetech.com/

Figth_Scene

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Figth Scene de Audionautix está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Artista: http://audionautix.com/

Epilog_Ghostpocalypse

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Epilog – Ghostpocalypse de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100666

Artista: http://incompetech.com/

Constance_The_Descent

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Constance – The Descent de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100850

Artista: http://incompetech.com/

Day_Of_Recon

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo.

It_Is_Lost

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

It Is Lost de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100190

Artista: http://incompetech.com/

Impending_Boom

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Impending Boom de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100198

Artista: http://incompetech.com/

Intended_Force

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Intended Force de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100195

Artista: http://incompetech.com/

 

E é isso, pessoal!

Sem Foco – 004 – Leonid Rogosov – O Doutor Nervos de Aço!

Sem Foco 004: Leonid Rogosov

Rock ON!

Conheçam Leonid Rogosov, o Doutor Nervos de Aço!

Neste episódio do Sem Foco, o podcast do Rock Me ON, contarei para vocês um feito

extraordinário desse cidadão soviético, que mudaria para sempre os requisitos para

os pesquisadores do continente Antartico!!

Fotos no site http://www.rockmeon.com.br

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Recomendado neste episódio:

 

Fontes da Pesquisa:

Informações gerais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Leonid_Rogozov

Detalhamento da cirurgia, em inglês.

http://corpus.leeds.ac.uk/serge/rogozov-1964.pdf

Reportagem da BBC:

http://www.bbc.com/portuguese/noticias/2015/06/150602_russo_apendicite_mv

Guerra Fria:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Guerra_Fria

Novocaina:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Proca%C3%ADna

 

Músicas utilizadas:

Uso Livre:

  • Marvin_s_Dance.mp3, Silent Partner
  • Bali_Bali.mp3, Doug Maxwell/Jimmy Fontanez
  • Can_Can_by_Offenbach.mp3, Offenbach

 

Babylon_Disco_Ultralounge.mp3

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Babylon – Disco Ultralounge de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100314

Artista: http://incompetech.com/

 

BTS_Prolog.mp3

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

BTS Prolog de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://freepd.com/Unclassified/BTS%20Prolog

Artista: http://incompetech.com/

 

Consequence_Wonders.mp3

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Consequence – Wonders de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100283

Artista: http://incompetech.com/

 

Expeditionary.mp3

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Expeditionary de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100436

Artista: http://incompetech.com/

 

Exotics.mp3

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Exotics de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100233

Artista: http://incompetech.com/

 

Circus_Waltz_Silent_Film_Light.mp3, Kevin MacLeod

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Circus Waltz – Silent Film Light de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100291

Artista: http://incompetech.com/

 

Investigations.mp3,

Você pode usar esta música e gerar receita em seu vídeo, mas você deve incluir o seguinte na descrição de seu vídeo:

Investigations de Kevin MacLeod está licenciada sob uma licença Creative Commons Attribution (https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/)

Origem: http://incompetech.com/music/royalty-free/index.html?isrc=USUAN1100646

Artista: http://incompetech.com/

 

Agradecimento especial ao Doutor Divago, o @DivagoTM,  pelos esclarecimentos sobre apendicite. 

 

E é isso, pessoal!

Curtam, compartilhem e deixem seus comentários.

 

Update:

Não entrou na elaboração da Pauta, mas é um conteúdo muito bom sobre a Guerra Fria, elaborado pelo Felipe Figueiredo, o @XadrezVerbal, para o Nerdologia.

 

 

Sem Foco – 002 – Elena Piscopia: A Primeira Doutora do Mundo!

Rock ON!

Uma mulher diferente daquelas de sua época, incentivada pelo pai a estudar, admirada pela nobreza, amada pelos mais pobres por ser caridosa,  passaria para a história como a Primeira mulher a obter um título de doutorado, Esse é o Sem Foco Biográfico sobre Elena Piscopia.

 

Imagens:

Elena Piscopia

Elena Piscopia

 

Vitral Cornaro, da Thompson Memorial Library, no Vassar College (EUA).

Placa homenageando Elena Piscopia

Fontes:

Comentado no Sem Foco:

 

Sem Foco – 001 – Rodízio, Sopa e a Chuchada!!!

Rock ON!!!

Neste episódio quero contar para vocês a breve história do rodízio de carros em São Paulo do ponto de vista de alguém que viu isso surgir, também falarei sobre sopas e meu trauma com elas e se tiverem um pouco de curiosidade, vão descobrir o que é uma chuchada e porque isso não é legal!

Sigam-me no Twitter: @prissguerrero1

Visitem o site: http://www.rockmeon.com.br

Deixem seu comentário, façam-me feliz!

*Gravado no Studio Pálio, numa quarta-feira qualquer*

 

Dia do Podcast 2016!!!

Rock ON!!!

 

diadopodcast

Pois é! Não preciso explicar a imagem, você sabe que o Dia do Podcast foi em 21 de outubro e que hoje é 25 do mesmo mês, né?

Bom, eu andei bem ocupada nesse dia, ficando cansada do meu trabalho e tendo que ir até uma loja de material de construção comprar pasta de madeira para arrumar minha janela, depois chegar em casa tarde por causa do trânsito e praticamente desmaiar na cama. Esse é o resumo da minha sexta-feira, dia 21 de outubro, dia do podcast.

Daí o final-de-semana passou voando e pronto, estamos aqui, numa terça-feira, eu escrevendo e talvez você lendo. Ou pode estar lendo um outro dia qualquer, esta é a maravilha do mundo moderno! Escrevo num dia, você lê quando der!

Chega de papo! Este ano vou fazer link dos podcasts novos que entraram no meu player.

Alguns saíram também. Uns pelo formato ter mudado, outros porque os participantes atingiram um grau de arrogância insuportável. Não convém citar nomes. Eles tiveram sua época, estão nos posts passados, quem quiser, que procure.

Então vamos às novidades!!!

Para ouvir meus podcasts, tenho usado o aplicativo Podcast Picker, para Windows Phone. Ele é pago, mas é bem baratinho, por apenas R$ 5,90 e funciona divinamente quando se aprende a lidar com ele. Os comentários na loja estão velhos e foram de pessoas que usaram a versão gratuita e pararam nela. A versão paga é boa mesmo, podem confiar. Gostei dele porque achei mais organizado que o aplicativo nativo. Este, aliás, parou de funcionar com a atualização do Windows Phone para a versão 10.

Agora vamos falar de podcasts:

Biomedcast: Um podcast que comecei a acompanhar este ano, mas que recentemente completou 2 anos de existência, porém, com poucos episódios, apenas 43 e alguns poucos extras sem numeração. A equipe é formada por Biomédicos, que falam sobre sua área de atuação, trazendo conhecimento científico, boas entrevistas com profissionais da biomedicina. O bacana é descobrir que essa profissão é bem interessante, cheia de particularidades e curiosidades. A linguagem deles é fácil, eu que sou leiga, consigo acompanhar facilmente os programas. Quando o termo é muito técnico, eles explicam. A conversa é descontraída e muito divertida.

Vou deixar aqui dois episódios que vocês podem curtir:

36 – O Universo Microscópico dos Fungos

39 – Olimpíadas e Doping Esportivo – Entrevista com a Biomédica Dra. Lara Duarte Santi

 

Bit Studio Amp: É um podcast muito gostosinho de ouvir, pois fala sobre músicas e trilhas de games, contando um pouco da história dos jogos, dos produtores, intercalando com algumas músicas. É excelente para ouvir no trânsito, faz o tempo voar. Os integrantes são bons de papo e a coisa flui muito bem! Tem um tal de Torneio das Trevas, que ainda não entendo bem do que se trata, então, é um mistério para mim, mas é bem legal. Vou deixar dois episódios aqui para vocês:

24 – A Sombra da Mordida (Jogo Shadow of Mordor)

28 – Soco de Foguete (entrevista com autor de trilhas de games)

 

Fronteiras Invisíveis do Futebol: Ah, esse já ganhou um post inteiro aqui no Rock Me ON! Mas vou deixar dois episódios bem legais para vocês começarem a ouvir e leiam  o post, ficou ótimo!

7 – Nigéria

8 – Coréias

Xadrez Verbal: É meu podcast de segunda-feira. Adoro começar a semana ouvindo o que aconteceu na política internacional. Ele é bem informativo e supre bem meu vício por notícias, já que não consigo acompanhar tudo que passa na minha time line. Os quadros ‘Peão Promovido” e “Peão Isolado” são meus favoritos. Segue o último programa para vocês ouvirem.

69 – Oriente Médio, Filipinas, Brasil e BRICs

 

Decrépitos: Ainda não sei se gosto desse podcast. Sério. Comecei a ouvir tem um tempo e não me decidi ainda. Brincadeira, gosto sim. É uma conversa boba, engraçada, ótimo para passar o tempo sem pensar em nada. Vou deixar um episódio aqui, como quem não quer nada, vai que vocês curtem, né?

 

76 – Vacilendas Urbanas

 

Exatamente: É um podcast sobre exatas, está bem no comecinho, mas é muito bom de ouvir. Ainda tem alguns problemas de edição, mas o conteúdo salva o programa, é raríssimo ter um podcasts de exatas, pelo menos eu conheço poucos. E o Exatamente me trás boas recordações do Senai. ahahah

04 – Engenharia de Bioprocessos e Tecnologia

 

Salvo Melhor Juízo: Um podcast sobre direito, que tem uma abordagem acadêmica, com a presença de especialistas na área. É um programa muito denso, mas dá para acompanhar. Tem tratado de temas bem polêmicos, como por exemplo, população carcerária.

2 – Mundo Carcerário

 

Bom e por este ano é isso aí que tenho ouvido, pessoal.

Ah, e eu tinha feito esse rabisco para ilustrar este post, originalmente, seria isso, não o Rubinho lá de cima.

Aliás, um abraço pro Rubinho e para todos vocês!

diadopodcast

Ah! Essa cabeçuda aí sou eu! Ouvindo podcast, aprendendo, me divertindo e não enlouquecendo! Obrigada, podcasters!!!

 

Rock OFF!!

Fronteiras Invisíveis do Futebol!

Rock ON!!!

Já começo este post assumindo uma coisa da qual me arrependo muito:

Fui preconceituosa com este Podcast, o Fronteiras Invisíveis do Futebol.

Sim, verdade. Eu me deixei levar pelo nome, não acreditei no Filipe Figueiredo. Achei que este podcast fosse sobre futebol, apenas sobre isso. E por isso demorei muito para tentar ouvir o programa. Pois é. Que boba, não?

Eu gosto de futebol, OK? Ando meio decepcionada, é verdade. Mas quando se trata de futebol, os programas que falam a respeito tendem a ser maçantes, uma lenga-lenga sem fim ou opiniões fechadas de pessoas ‘especialistas’ com uma visão pateta do esporte. Já tentei ouvir podcast sobre futebol e foi uma perda de tempo. Não gostei.

E também por conta dessa experiência ruim, eu subestimei o Fronteiras Invisíveis do Futebol. Errei feio. Bola fora, futebolisticamente falando. Mas eu posso, jogava como goleira no colégio, não chutava bem. HA-HA-HA-HA

Então, Filipe, Matias e Equipe do FIF (que sigla fofinha!), peço aqui minhas humildes desculpas. 🙂


FIF

Arte baseada na capa original.

 

Muito bem, mas o que me deu na cabeça para resolver ouvir este podcast, afinal? Absolutamente nada.

Vi o Filipe jogando o link no Twitter e pedi a URL do feed. Na verdade, havia um tempo que eu queria adicionar ao programa de Podcasts, por conta de um breve comentário no Xadrez Verbal que ouvi sobre um programa cujo tema era a Turquia. Já não lembro mais qual era o comentário, mas ele me deixou um tiquinho curiosa.

E adicionei o feed, baixei alguns episódios ontem, dia 11 de maio e hoje comecei a ouvir, pelo episódio sobre as Coreias. E pronto! Todo o preconceito que eu tinha com o podcast se desfez.

Não é um podcast papo de bar, eles falam sobre história e como eu amo essa ciência! PUTZ!  Eles abordam a origem do país, curiosidades, cultura e tudo que é relativo ao local. Tem futebol? Sim, mas eu diria que é tratado como uma curiosidade, não como o fator principal do podcast.

E como são historiadores (eu sei, Filipe, você não gosta de ser chamado assim e suponho que o Matias seja historiador também. Se não for, engana bem, rapaz!) Enfim, até parece que converso com eles, no máximo troco uns tweets com @XadrezVerbal, que não sei se é o Filipe ou o Matias que controla. Aliás, cliquem na imagem e visitem o site do Xadrez Verbal, é muito bom também!

capa-xadrez-verbal

Retomando, e como são historiadores, a conversa é muito rica e cheia de referências com outros assuntos, o podcast fica suculento (Estou com fome, não jantei ainda) e ouvir sobre outro país torna-se uma atividade prazerosa.

Hoje conheci mais sobre as Coreias do que no colégio. Pouco vi sobre Coreias, aliás. E a Turquia, que história fascinante! Ainda estou no início da segunda parte, mas já posso dizer que adoro. Aquele sobre País de Gales, caramba! Não imaginava essa origem do costume do herdeiro do trono inglês ser nomeado o Príncipe de Gales. Achei muito interessante e estou me contendo para não dar spoilers, quero que vocês ouçam esses episódios e fiquem maravilhados!

Bom, fiquei tão contente de ter mais um podcast sobre história para ouvir que precisava escrever este post. Talvez mais pessoas estejam achando que o Fronteiras Invisíveis do Futebol seja apenas sobre o esporte, um papo de boteco, um mesa redonda qualquer. Não é. Não se enganem, não tenham o preconceito que eu tive. Vão perder um excelente programa com uma pauta incrível!

 

Vou deixar os links para os programas que já ouvi e que recomendo a vocês. Claro, ouvirei todos os outros sim.

 

Fronteiras Invisíveis do Futebol #8 – Coreia(s)

Fronteiras Invisíveis do Futebol #9 – País de Gales

Fronteiras Invisíveis do Futebol #10 – Turquia – Parte 1

Fronteiras Invisíveis do Futebol #11 – Turquia – Parte 2

Bom, é isso, pessoal.

Espero que gostem desse podcast tanto quanto eu. 🙂

Abraços para o Filipe, Matias e toda equipe do FIF.

0/


Ah! Já ia esquecendo: descobri o Xadrez Verbal por indicação do @Pirulla25, num post que fiz sobre política aqui no Rock Me ON e linkei um vídeo sobre política do Canal do Pirula. Este me informou que existia o Xadrez Verbal e era para eu dar uma olhada. Só tenho a agradecer ao biólogo. 🙂 E graças a minha total falta de organização, não acho o link, então, se alguém encontrar, por favor, deixa nos comentários o link para o meu próprio post, ok? Uma pista: o Pirula aparece fantasiado de Lula no começo do vídeo.


 

Rock OFF!!

Dia do Podcast 2015!!!!

Rock ON!!!

Aqui é Priss Guerrero e hoje quero falar sobre Podcast. Sei que o Lucas Bahamut já falou sobre o assunto aqui no Rock Me ON, contudo, informo que minha abordagem será bem diferente. Não vou explicar o que é, vou falar quais eu ouço e porque.

E só explicando a imagem de chamada é minha mãe, a Mamãe Freak e o Marcos Keller, o Bruxão do Mundo Freak.

Vou listá-los em ordem alfabética, porque precisa ter uma ordem? Sim, só por isso.

diaDoPodcast

Anticast

Comecei a ouvir por que gosto de Design, é uma das minhas formações, ora bolas! E o Anticast, mesmo falando sobre outros assuntos, sempre me fornece alguma visão sobre a área e agrega algum conhecimento.

Canal 42

Adoro séries, mas não posso acompanhar todas. Este podcast me ajuda a selecionar algumas séries para assistir, a relembrar coisas que séries que acompanho e a tomar conhecimento de séries que não pretendo ver. Puro entretenimento, eu me divirto, fico feliz ao ouví-los.

Cinema com Rapadura

AMOOOOO cinema. Sim, é verdade, eu ainda saio de casa e vou ao cinema. Mesmo que isso tenha se tornado um pouco ruim, por conta das pessoas que não sabem desligar o maldito celular e ficam mandando mensagens enquanto a gente tenta ver  o filme. Gosto do Cinema com Rapadura por conta da visão equilibrada que eles têm sobre as produções. Mesmo àquelas que não gostei, costumo ouvir sobre para conhecer a opinião deles e isso é bom. Adoro a equipe toda e suas peculiaridades.

Cronocast

Este é novo e tenho gostado bastante. Tratam sobre história, de um modo bem divertido e interessante. São professores de história e é bacana acompanhar essa visão do professor sobre o tema. Bom, sou suspeita, pois sempre gostei muito de história.

Escriba Café

A edição de áudio é muito boa e por isso mesmo há um intervalo muito grande em um episódio e outro, mesmo assim, aguardo com ansiedade cada um deles. A pesquisa é ótima, o conteúdo passado muito bom, é um audiodrama sobre história, personalidades, acontecimentos e como disse, adoro história.

Grande Coisa

Comecei a ouvir este podcast há pouco tempo e já me apaixonei pelo formato, um papo descontraído, divertido, muito divertido mesmo, emocionante e genial. Eles me divertem muito e agregam muito conhecimento. Já risquei a Austrália da minha lista de lugares para conhecer.

Mixtape

Esse é novinho, recém-nascido na minha lista, mas é muito interessante e gostei do formato. Eles falam sobre música e temas relacionados, enfim, tem música, o Mixtape está lá e adoro música, muito mesmo, notaram pelo nome do site? Rock Me ON!!!! Desculpem se acharam que eu gostava de geologia. (também gosto, ok? rs)

Mundo Freak

O podcast que me inspira a desenhar, sério, adoro desenhar e as histórias misteriosas e causos sinistros deste podcast me inspiram muito e foi graças ao Dia do Podcast, que esse ornitorrinco branco bateu em minha Time Line para ficar para sempre! E já até participei de duas leituras de email, que honra!!! Aproveito para deixar parabéns pelos 3 aninhos de existência e que continue cada vez mais, seja longevo! Se você gosta de mistérios, conspirações, fantasmas, aliens, este é o lugar, seja freak!

Nerdcast

Este podcast é especial. Não foi o primeiro que ouvi, o primeiro foi um Radiofobia, mas foi o podcast que me fez sentir parte de algo maior e mesmo tendo alguns temas que não concorde, o Nerdcast me fez muito bem, esquecer problemas e acreditar em soluções. Só tenho a agradecer pelos momentos de diversão, risadas e reflexões.

Papo Lendário

Esse podcast é um dos mais sérios que ouço, sobre mitologia e humanidades. Talvez eu deva dizer comportamento humano, não sei; só sei que este me trouxe muitas coisas boas, alguns amigos bacanas e boas horas de entretenimento e conhecimento. Além de uma nova visão sobre mitologias e novos mitos para conhecer.

Projeto Humanos

Este é novo e fez um excelente trabalho entrevistando uma sobrevivente do holocausto na Segunda Guerra Mundial. Causou comoção, emoção, empatia, agregou conhecimento, trouxe uma nova visão sobre os fatos ocorridos e um quê de esperança, de perdão e indignação com a raça humana.

Promontóril Estéril

Na pegada do Escriba Café, o foco é biografia de personalidades e a periodicidade é mais curta, bem como a duração de cada episódio, mesmo assim, o conteúdo é engrandecedor e é muito bom conhecer personalidades mais a fundo, como Chiquinha Gonzaga, por exemplo. Este conheci por causa do Temacast.

Radiofobia

O primeiro podcast que ouvi, Radiofobia. E nem lembro como cheguei até ele, mas acredito que tenha sido pelo Twitter. Este podcast tem um leque de outros que amo: Alô Ténica, Radiofobia Classics, especiais com dubladores, o trabalho do Léo Lopes é lindo e maravilhoso. Recentemente tive oportunidade de conhecê-lo e foi incrível! Radiofobia mora no meu coração, a partir dele conheci o Nerdcast e por conta da promoção do dia do podcast, veio o Mundo Freak e todos os outros. Radiofobia é amor.

Scicastpodcast

Porque a ciência tem que ser divertida. Quem não gosta de ciência? Muita gente, infelizmente. Mas eu gosto e o Scicast é aquele amigo do trânsito, gosto de ouvir enquanto dirijo longos percursos, porque o Scicast tem o poder de fazer o stress do trânsito de SP desaparecer. Através desse podcast fiz ótimos amigos também, o Lucas é um deles! A ciência mostrada nesse podcast é tratada de um jeito simples, divertido mesmo, com especialistas de várias áreas e meus favoritos, são, claro, os de história. Não é um podcast didático, isto é, não é um cursinho pré-vestibular, não, é um programa sobre ciências, sejam elas físicas, químicas, biológicas, humanas etc. E é muito divertido sim.

Telhacast

Este terminou recentemente, mal o descobri e já terminou. Mas baixei todos e tenho no computador, preciso ouvir ainda. Mas o pouco que apreciei, achei genial! Especialmente os episódios sobre ET de Varginha. Esse podcast deixa saudades.

Temacast

Cheguei aqui por causa do Scicastpodcast, quando o grupo do Amigos do Pause era um bom lugar e o professor Barbado colocou uma chamadinha sobre um episódio sobre o Barão de Mauá. A temática base é história e do Brasil, feito com uma pauta impecável e maravilhosa, além de uma edição muito profissional e muito boa, ora! Este me trouxe dois bons amigos, o Seixas e o Igor, além de bons momentos ouvindo os programas.

 

Bom, pessoal, estes são os podcasts que eu ouço e os motivos pelos quais eu faço isso. Geralmente ouço durante o trabalho, pois minhas tarefas são mecânicas e me permitem fazer isso. Também ouço dirigindo ou em longas viagens.

Minha mãe também gosta de ouvir comigo e os podcasts nos aproximou mais e  isso é muito bom, não é? Tanto que ela é a famosa Mamãe Freak, apelido carinhosamente dado pela galera do Mundo Freak, pois ela é ouvinte fiel deste podcast e de todos os outros dessa lista.

Como estou em férias e fazendo várias coisas que não me permitem ouvir, estou com vários episódios atrasados, mas isso não é problema, pois os programas estão lá, disponíveis para download e posso ouvir quando quiser, esta é a graça do Podcast, afinal de contas.

Além de entretenimento, os podcasts trazem conhecimento, alívio do stress e novos amigos. Se você não conhece podcast, não sabe o que é, essa é sua chance de conhecer, pelo menos os que eu ouço. Deixei os links para vocês nos nomes de cada um deles, basta clicar, baixar o episódio e ouvir quando quiser. Muitos disponibilizam o episódio para ouvir direto do seu navegador e isso é ótimo. Também é possível usar um programa no seu celular para ouvir os programas e assinar esses canais, no Windows Phone uso o programa Podcast, que veio no próprio celular, mas em outras plataformas, você pode entrar na lojinha e digitar algo como ‘podcasts’ ou ‘agregador de podcasts’. São programas gratuitos e os conteúdos dos podcasts também são.

Espero que tenham gostado, que tenham lido o artigo do Lucas aqui no Rock Me ON e se não leram, a chance é agora.

Também tem o site http://diadopodcast.com.br/, que tem um material muito bom sobre o assunto e recomendo que vejam, vão descobrir mais coisas lá.

Gostaria que me indicassem algum podcast, não listado, para eu ouvir e dissessem por que eu deveria ouvir (Lucas, vc é café-com-leite nessa, ok?).

 

Feliz Dia do Podcast a todos meus produtores de conteúdo favoritos, adoro todos vocês, também tenho birra com alguns, mas de alguma forma, todos moram no meu coração e preenchem minhas horas com muita coisa boa. Que continuem com o excelente trabalho, trazendo cultura, valores, diversão e conhecimento para essa nossa sociedade tão abatida e bocoió.

 

Rock OFF!!!

 

 

#ProjetoHumanos!!!!

Rock ON!!!

Pessoal, resolvi fazer este post, apenas para divulgar um projeto super-maneiro do Ivan @mizanzuk lá do @Anticast.

podcast-humanos

Recomendo que ouçam o ‪#‎ProjetoHumanos‬. Nesta primeira temporada o relato de uma sobrevivente do Holocausto, a Dona Lili. As entrevistas são curtas, muito bem elaboradas e me trouxeram um novo panorama sobre esse evento nefasto da WWII.

Essa entrevista é em formato de podcast (se não sabe o que é um, clique aqui e veja o artigo do @LBalaminut) e é entremeada com informações do período da Segunda Guerra Mundial (WWII).

O Projeto Humanos é um marco na mídia podcast, é algo novo, que com certeza dá muito trabalho, mas que vale muito ouvir, a experiência é incrível.

Em alguns momentos era como se eu estivesse lá, naquele campo, observando a Dona Lili e testemunhando junto com ela aqueles horrores, para vocês terem ideia de como a edição está bem feita e foi cuidadosamente composta numa linha temporal muito imersiva.

E mesmo com um tema tão pesado, a entrevista tem pinceladas de leveza, algumas passagens são tratadas com humor, sem perder o respeito por tudo que houve.

A realização do Projeto Humanos só foi possível graças às doações dos ‘patrões do @Anticast‘ e agradeço muito a eles e ao Ivan por isto. No momento não tenho caixa para poder contribuir, mas espero que este post atinja alguns leitores que tenham como contribuir com alguma grana, este projeto e outros merecem, bastante.

Bom, Ivan, assim que eu puder, tenha certeza que me tornarei ‘patroa do Anticast’, é um podcast que tem me agregado muito valor e este Projeto Humanos é sem dúvida alguma, uma dádiva no mundo ‘podcastal’, tão cheio das mesmas coisas, ver surgir algo tão bacana e único, é muito legal mesmo.

Sem mais lero-lero, deixo o link do Projeto Humanos para vocês clicarem e acompanharem a história de Dona Lili e as demais que virão.

http://www.b9.com.br/podcasts/projeto-humanos/

 

Rock OFF!!

 

 

Podcast!!!

ROCK ON leitores, amiguinhos internéticos! Aqui é o Lucas Balaminut, ouvinte profissional de podcast.

Como todo bom hiperativo não diagnosticado, estou sempre procurando estímulos informativos (culpa do café?). Notícias, artigos, colunas opinativas, papers acadêmicos, vídeos, ou gráficos do mercado financeiro – consumo tudo que vejo pela frente. Um rato de Wikipédia, estou sempre fuçando fontes a fim de saciar minha curiosidade infinita.

Porém, entre todas essas alternativas, destaco a minha favorita. Além do café, sou viciado em podcast.

Mas Lucas… não sei o que é podcast. Por obséquio, vossa gentileza poderia me explicar?

Podcasts são programas em áudio, assim como aqueles do rádio. A diferença é que não são limitados pelo horário de programação. O ouvinte pode baixar os episódios quando quiser, ouvi-los quando desejar, pausar em qualquer momento e reouvi-los se tiver vontade. Um verdadeiro Netflix dos radio-shows. Podcasts podem ter horas de duração ou apenas alguns minutinhos, podem ter muitos participantes ou apenas um narrador, e podem tratar de qualquer assunto.

Recentemente, descobri o site Os 5 Melhores, que permite a qualquer usuário criar listas sobre qualquer tipo de produto, serviço ou assunto em geral, e votar em quais são os melhores dessa lista. Normalmente, cada votação tem entre 20 e 50 participantes. Eu descobri a lista de Os 5 Melhores Podcast Brasileiros, onde mais ou menos 50 podcasts eram listados, contando com 250 votantes. Divulguei a lista pros meus podcasters favoritos e pros meus amigos. Estes divulgaram para os seus ouvintes e para outros programas e, de repente, iniciou-se a TERCEIRA GUERRAL MUND… digo, A GUERRA PODCASTAL!

Os diferentes programas passaram a competir para subir no ranking, todos divulgando em massa a votação. Em menos de um dia, a lista já contava com 5 mil participantes e, o mais impressionante, SEISCENTOS PODCASTS! Sim, existem mais de 600 programas brasileiros diferentes. Eu não fazia idéia da dimensão da mídia até então – que surpresa agradável! Confira a lista, leia os comentários e descubra programas bacanas.

Ó, que pândego! Hó Hó! Conte-me mais sobre isso…

Os podcasts surgiram no EUA como uma evolução do rádio. Quando a internet surgiu, vários programas de rádio passaram a disponibilizar a gravação de seus episódios online – como talk shows, entrevistadores, programas de auditório, jogos de quizzes e comediantes. Dessa forma, quem deixou de ouvir o programa no rádio poderia baixar e escutar. Com a evolução da internet, muitos broadcasters perceberam que manter um site no ar é muito mais barato do que ter um programa em rádio; logo, vários programas migraram para a plataforma online. Um pouco depois, outros lançaram novos programas diretamente na internet.

Os podcasts americanos ainda mantêm muito dessa tradição radialista; o formato do programa gira em torno de um apresentador que conversa de maneira convidativa e semi-formal com convidados. Eles contam com pouca edição de falas e músicas, sendo quase que inteiramente produzidos durante a gravação.

Diferente da gringolândia, o Brasil tem uma história peculiar com esta mídia independente. A dez anos atrás, quando poucos podcasts existiam, era comum que pequenos blogs experimentassem todas as ferramentas disponíveis na internet a fim de atrair audiência. Foi assim que surgiu o Nerdcast, primeiro podcast realmente expressivo do país. Em vez de radioalistas com anos de experiência, este podcast, assim como muitos outros que vieram a seguir, era feito por entusiastas amadores que queriam agregar conteúdo ao seu site, falar de assuntos que gostam, opiniar e compartilhar experiências.

O Nerdcast desbravou a mídia no Brasil; contando com o aumento da acessibilidade da internet, o levante da demanda por cultura pop moderna, saudozismo e a popularização da cultura de nicho Nerd, cada ano o Nerdcast dobra sua audiência (de 350 mil downloads por episódio em 2014 pra 700 mil em 2015), servindo como porta de entrada pra mídia à muitos ouvites. Foi assim que descobri podcasts, a 8 anos atrás!

Encontrei o Nerdcast enquanto procurava sobre filmes do X-Men no Google, mas achei extremamente estranho ouvir desconhecidos conversando por uma hora no meu ouvido; também não conseguia diferenciar as vozes, saber quem é quem. Mas depois acostumei. As conversas eram engraçadíssimas, os participantes me conquistaram e eu aprendia bastante com o conteúdo. De um programa por mês, passei a ouvir um por semana, depois um por dia e, quando percebi, aguardava ansiosamente pela próxima publicação.

Estava feito: me tornei um ouvinte regular! O primeiro podcast que escutei na data de publicação foi o Nerdcast 101 – Traumas de Infâncias, a 7 anos atrás. De lá pra cá, é um ritual semanal baixar o Nerdcast de sexta-feira.

Mas o que ouvir durante os outros 6 dias da semana? Fui atrás de mais podcasts, claro.
Como eu era um adolescente cheio de tempo livre, procurei por temas que me agradavam, me tornando um verdadeiro junky de podcast. Sempre que estou fazendo alguma atividade que não requer muita atenção (limpar a casa, lavar a louça, pegar ônibus, correr no parque, etc), também estou ouvindo podcast.

Escolher entre 600 programas diferentes sem previamente conhecer nenhum  é complicado – sofro disso toda vez que vou a um restaurante que nunca experimentei nenhum prato. Então, aqui vão as RECOMENDAÇÕES DO LUCAS! Aeeeeeew.

JWave –  cultura pop, nerd e Japonesa; além de ser engraçado e cheio de curiosidades, o Juba (host) é muito carismático. Temas incluem JPop, anime, mangá, cultura oriental, cultura pop em geral e nostalgia anos 90 e 80. Descobri pesquisando sobre o anime Neon Genesis Evangelion – ainda com alguma dificuldade de entender… quem sabe eu não escrevo sobre isso?

Mundo Freak Confidencial – trata de investigar mistérios, lendas, mitos, oculto, obscuro, curioso e sobrenatural; programas bem leves engraçados, visa a diversão acima de tudo. Recomendo os episódios especiais Aconteceu Comigo.

Mixtape – bandas, álbums, instrumentos, estilos, tudo relacionado a música com o muito carismático Gustavo! Recomendo o episódio em que participei Filmes Sobre Música.

Promontório Estéril – pequenos episódios de 20 a 30 minutos narrando a vida de personagens históricos não tão famosos como em um áudio drama; muito bem produzido.

Dragões de Garagem – divulgador científico, trata de outros assuntos com seriedade mas sem perder a descontração; visa o aprendizado e tem excelentes entrevistas.

TemaCast – leva aos ouvintes conteúdo relevante sobre comportamento, história, biografias e cultura geral.

SciCast – traz conteúdo extremamente bem pesquisado, professores acadêmicos e pesquisadores com o objetivo de ensinar ciência de maneira divertida; temas variam de biologia, tecnologia e exatas para história, geografia e outras áreas humanas. Eu mesmo participei do episódio 88 – Pensamento Científico, e outros que ainda serão publicados.

Café Brasil – estimulam discussões intelectuais através de reflexões sobre vários aspectos da vida em sociedade.

Radiofobia – produzido, editado e apresentado pelo mestre do broadcasting Leo Lopes; discute temas variados e entrevista convidados ligados à atividade humorística do rádio, TV ou internet. O diferencial do programa é a aplicação do formato radiofônico no podcast. Quase todos os programas são gravados com transmissão ao vivo, via streaming, e todos os elementos sonoros (efeitos, trilhas e vinhetas) são reproduzidos em tempo real, exatamente como em um programa de rádio. Se assemelha a tradição radioalista americana.

Matando Robôs Gigantes – apresenta, discute e opina sobre quadrinhos, jogos e cinema, além de assuntos cotidianos em geral. Os programas são bem curtos, raramente passando de 20 minutos, e extremamente descontraídos.

Nerdcast – o supra citado, hors concours, e mais baixado podcast brasileiro; mostrando a visão Nerd do mundo, fala sobre todos os nichos e nuâncias da cultura pop, incluindo literatura, cinema, quadrinhos, jogos, séries, filmes, etc; também trata de ciências, História, assuntos cotidianos e histórias engraçadas. Recomendo o programa especial de RPG, onde as famosas partidas do jogo se tornam aventuras em forma de áudio, divertidíssimas, cheias de referências e extremamente bem produzidas. Além da Trilogia Medieval Fantástica, estão para lançar o último episódio da Trilogia Cyberpunk, cujo segundo capítulo bateu 3.2 MILHÕÕÕÕES de downloads.

Agora os gringos!

StarTalk – apresentado pelo astrofísico Neil deGrasse Tyson, o programa sempre conta com um comediante profissional para falar de maneira divertida sobre astronomia e ciências em geral. Temas da cultura popular e debates acadêmicos modernos são recorrentes.

Night Vale Radio – uma rádio local da pequena (fictícia) cidade do interior americo, Night Vale; Cecil narra os acontecimentos misteriosos da cidade como se tudo fosse normal; o podcast é carregado de referências literárias de mistérios, terror, alienígenas, cultismo, e tudo que é estranho. Conta com um humor inteligentíssimo!

Serial – apresentado pela jornalista Sarah Koenig, o programa conta a história verdadeira do assassinato de uma jovem adolescente no EUA. Cada um dos 12 episódios explora um aspecto diferente do misterioso caso, mergulhando em cada detalhe de maneira rigorasamente profissional e minuciosa – a investigação foi melhor que a da própria polícia e conta com um desfecho real impressionante.

Freakonomics – em curtos episódios de 20 minutos cada, responde a perguntas corriqueiras de maneira inteligente e bem embasada, pesquisando a fundo e usando técnicas analíticas. Conta com várias entrevistas e tem insights interessantíssimos.

Radiolab – parte do famoso NPRNational Public Radio (rádio público americano), é um espetáculo sobre a curiosidade que explora os limites da ciência, da filosofia e da experiência humana.

How Stuff Works – como o nome sugere, explora o funcionamento de diversos objetos, tecnologias e aspectos da vida corriqueira; temas incluem animais, carros, aventuras, cultura, entretenimento, saúde, ciência e muito mais.

Deixe nos comentários dúvidas ou sugestão de podcast.
Cliquem nos links, baixem podcasts e divirtam-se!

ROCK OFF

 

Mundo Freak! O Único com Ornitorrinco!!!

Rock ON!!!

Finalmente terminei um pequeno rabisco que fiz para homenagear o pessoal que ultimamente tem proporcionado a mim e minha mãe boas horas de diversão, conversas e entretenimento freak!

Sim!!! Estou falando do Mundo Freak!

Chega, chega de demora, segue o pequeno rabisco do mascote feito após ouvir o episódio sobre Tarô.
ornitorrinco

Não ouviu? Segue o Link! Tarô Mundo Freak Confidencial #43

Sobre o desenho, fiz à caneta numa folha de rascunho, tirei uma foto e passei o pincel no Photoshop mesmo. Pensei em colorir, mas não queria estragar o desenho, he-he-he. Então deixei assim mesmo, em P&B. Esse vai para portifólio no Behance. 😉

 

 

Só que o site do Mundo Freak não é só podcast. Tem muito mais coisas para você explorar. Eles falam até de anime e jogos! Olha que beleza!

Então, é isso, pessoal, recomendo que ouçam o Mundo Freak Confidencial, com aquelas histórias bizarras que geralmente se contam em acampamentos, ao redor das fogueiras ou quando acaba a luz na rua. eheheh

Um forte abraço à toda equipe do Mundo Freak, falo em nome de minha mãe também, adoramos o programa, as piadas, as histórias intrigantes, a edição de áudio, o carinho com os ouvintes e passar alguns medinhos também, quem não gosta, né?

Abraços perfumados de Priss Guerrero e Dora Guerrero, a ‘mamãe freak’ rsrsrs

Rock OFF!!!

Scicast #61 – Primeira Guerra Mundial: O Meu Rabisco!

Rock ON!!!

Rabisco feito após ouvir o episódio número 61 do Scicastpodcast onde abordam a Primeira Guerra Mundial, com algumas partes narradas como se fosse um jogo de RPG.

O rabisco foi feito à caneta, em papel sulfite comum, num caderno para isso que eu montei. Coisa simples mesmo, só por lazer ao terminar de ouvir o episódio.
Tirei uma foto com o Nokia Lumia 920, abri no Illustrator e vetorizei.
Depois importei com o Photoshop CS6 e passei as luzes e sombras, para então colorir e finalizar.

Apliquei algumas imagens como texturas, para criar realismo na imagem.
É uma cena diurna, porém com muita fumaça de explosões e por isso parece noturna.
Foi meu primeiro trabalho desse porte, mesclando técnicas de pintura, vetorização e tratamento de imagens.
Espero que gostem. Deixei o processo todo aqui, com alguns detalhes.

scicast61WWI

Da esquerda para direita, parte superior: Silmar, Professor Barbado, Lito, Ronaldo e da esquerda para direita, parte inferior: Marcelo Guaxinim e Estrela.

Abaixo, rabisco original. Foto feita com Nokia Lumia 920 do desenho feito em caneta e papel sulfite.

WP_20141226_002

Se quiserem ver o processo completo no Behance, visitem:

http://bit.ly/17hmIM5

Se quiserem ouvir este episódio do Scicast, visitem:

http://www.scicast.com.br/61-primeira-guerra-mundial/

 

Tempo de realização: 32h de trabalho. Demorou porque fiz pesquisas sobre uniformes e equipamentos usados durante o período e coletar informações boas não é fácil, mas descobri muitos sites legais no caminho. 😉

 

Rock OFF!!!

Eleições 2014 – Primeiro Turno – MIMIMI!

Rock ON!!!

Eu cansei do mimimi e gravei um podcast.

Abram, ouçam, compreendam, compartilhem!

Mas eu sei que vocês vão é rir da minha tosca voz. Eu sei disso. Vão rir dos ‘erres’ puxados, das frases bizarras, dos cortes malucos e de toda a minha indignação!

Ahhhhhh Cuidado para não ficarem tontos com o trajeto.

Aprendam do pior modo o que é democracia, descubram o que falei sobre o corte de cabelo de um cara aí e finalmente: se emputeçam comigo!

É isso, já falei demais, assistam ae!

ps: O tuim é proposital para irritar vocês.

 

Podcasts citados: Scicastpodcast, Nerdcast, Radiofobia.
Personalidades citadas: Cid (Não Salvo), NickEllis (Nice Guy).
—–
Trilha de introdução: Trecho de Red Cowboy, de Dyman.

Rock OFF!!!

Rock Me ON!!! – Pod Cast 002 –

Rock ON!!!

Demorou mas saiu! Um novo podcast do Rock Me ON!
Continuamos sem pauta, puxando assuntos aleatoriamente e nos divertindo!
Venha conferir! Ouça o causo da cadeira de massagem, vinho, gorilas eróticos, trânsito, stalkers etc!

É coisa bagarai!

Compartilha, dê um joinha, espalha pro mundo!!!

Rock OFF!!!

%d blogueiros gostam disto: