Sem Foco 22 – Oi, tudo bem?

Rock ON!!!

Oi, Tudo bem.

É um título estranho. Mas se ouvirem o programa, vão entender.

Desculpem a ausência, mas… bom, eu contei no áudio.

Abraços para vocês.


As músicas de fundo são do álbum Freak Songs, de Paulo Schroeber.

Estavam disponíveis gratuitamente no site dele em Paulo Schroeber, mas vi agora que não estão mais! Ooops!

E quem é Paulo Schroeber afinal? Sei que vale um Sem Foco sobre ele, mas não sei quando farei. Então fiquem com este pequeno resumo e sério, vão conhecer o trabalho dele, é muito bom. Usei estas músicas, listadas em ordem de aparição. Mas o Álbum Freak Songs tem muito mais músicas instrumentais para você conhecer.

  • Fast Jazz;
  • Rabit Soup;
  • To My Father;
  • Mom’s Patience;
  • The Third Wish;
  • Give me a Pill.

 

Paulo Schroeber (Caxias do Sul18 de Agosto de 1973 – Caxias do Sul, 24 de Março de 2014) foi um guitarrista, produtor, compositor e professor musical brasileiro. Era considerado um dos mais virtuosos guitarristas do Brasil.[1]

Ganhou notoriedade na cena metal brasileira com os seus trabalhos junto as bandas Burning in HellPredatorFallupAlmah e Hammer 67.

Suas influências passam por rockjazz e fusion, e metal. Entre seus músicos favoritos estão Andrés SegoviaPaco de LuciaJohn MaclauglinAl Di MeolaTony IommiAngus YoungFrank GambaleAllan Holdsworth, e outros. Esta grande de soma de influências e estilos deixaram seu fraseado e solos com sonoridades diferenciadas do que geralmente é visto em guitarristas de Rock e Metal, pois é nitidamente claro a presença de jazz em suas composições, estilo que tal músico enquanto estava vivo admitiu em algumas entrevistas ter convivido devido a seus professores. Paulo era conhecido por sua técnica apurada usando diversas técnicas distintas tanto em bases quanto em solos como sweep, alternada e two hands em uma mesma passagem e também por misturar diversas escalas e modos em uma mesma frase.

Paulo ficou internado vários dias para um tratamento no coração na UTI do Hospital Nossa Senhora Medianeira (Hospital do Círculo). O procedimento de reconfiguração do aparelho cardíaco – uma espécie de marcapasso – não surtiu efeito. O quadro se agravou devido a ter se formado água em seus pulmões em razão do crescimento do coração, que pressionava este órgão, o que o deixava com dificuldades para respirar.

Devido a estas complicações, no dia 24 de Março de 2014, Paulo veio a falecer, aos 40 anos de idade.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Paulo_Schroeber

É isso. Rock OFF

Obrigada, Marcelo, por ver que eu tinha esquecido de validar o link do episódio!

Ahahaha aos demais, desculpa aí pelo vacilo!

 

E sobre o Freak Songs, não está mais disponível para download, é verdade, mas achei aqui no youtube e vcs podem ouvir e se deliciar com a pegada desse ser maravilhoso que partiu muito cedo. Se ao menos ele tivesse conseguido um transplante de coração à tempo… #doeorgãos

Priss Guerrero

Sou um monstrinho Creck que ganhou vida. Twitter: @prissguerrero1

%d blogueiros gostam disto: