Mês: dezembro 2010

Distrito 9

  1. Eles existem.
  2. Estão entre nós.
  3. Adoram comida para gatos.
  4. São chamados pejorativamente de  “camarões”.
  5. São tratados como lixo.
  6. Moram no Distrito 9, em Johannesburgo, África do Sul.

Em breve você saberá mais, aqui no Rock me ON: Distrito 9!

(não vi no pspgo, vi no note mesmo, mas merece um post caprichado! Aguardem!)

Distrito 9

Distrito 9

Retrospectiva 2010

Oi, galera!

Neste post vou falar um pouco de como foi meu ano. E pensando resumidamente, foi um ano cheio de coisas boas e ruins.

Este ano começou para mim com uma promessa de ser um ano diferente. Passei ao som de I Rule, da banda Tarot. Acredito que tenha me trazido sorte na maioria das vezes.

Vou resumir pelos meses, como naquelas retrospectivas da TV, assim, acho que ficará mais organizado.

Janeiro: Morre meu amigo Fabrício aos 32 anos de idade. Foi um choque para mim, não esperava. Mas o que me deixou menos triste foi saber que ele viveu intensamente cada dia de sua vida e com alegria e que sempre quis o bem das pessoas. Uma vez conversamos sobre tatuagens e ele me disse que queria fazer um par de asas nas costas. Quando eu soube do seu falecimento pensei: Agora você tem asas de verdade, Fá…

Também passei uma correria tendo aulas de volante na auto-escola depois do trabalho. Foi tenso!

Fevereiro: Início do ano letivo, rever os amigos foi muito bom. No trabalho, foi tenso. Engraçado, não tenho muitas lembranças de fevereiro… Estranho…

Março: Férias!!! Ah, férias no trabalho, né? Mas na faculdade, aulas. Mesmo assim, viajei para a cidade de São Roque, lá visitei o Sky Montain Park, a casa do bandeirante Fernão Dias Paes, Adega do Goes e foi ótimo.

Abril: Não tenho muitas memórias de abril, mas sei que estava ocupada com o trabalho e com a faculdade. Foi um semestre puxado.

Maio: Quase fechando o semestre na facul, já via que ia pegar uma DP em Java. Também achei que fosse pegar outras. Fiquei doente por isso e resolvi que no semestre seguinte, pegaria menos matérias.

Consegui a muito custo, minha permissão para dirigir. Pratiquei muito indo à casa da Camila para fazer o trabalho de Java.

Junho: Final de semestre e fui para exame em Java. Estava exausta. No trabalho, tudo tenso. Pessoal não largava do meu pé e do meu ex. Muito chato isso, sequer eu podia chegar perto dele para falar um simples ‘bom dia’.

Julho: Férias na Facul, mas não me recordo bem de julho, acho que trabalhei demais, sempre sob tensão e pressão das pessoas que não tinham o que fazer a não ser ficar me vigiando. Saudades dos amigos da facul.

Agosto: Conheci um amigo novo, o Guilherme. No trabalho, muiito trabalho. Na faculdade, peguei um semestre light: DP de Java (não passei no exame por meio ponto, mas tudo bem, eu tentei), peguei CG2, FW2 e Marketing 2 e mais nada! Precisava de um tempo.

Setembro: Odeio este mês, especialmente o dia 7. Mas teve Expomusic e revi meus amigos Danilo e Marcus. Isso me deixou feliz.

Outubro: Faleceu meu ex-futuro-sogro. Foi um choque, bem no começo do mês e quando eu já sabia que meu ex ia sair da empresa. É um dia que não sai da minha memória. Lembro do meu ex, agarrado ao hidrante, em prantos. E depois de sua face, em choque ao ver o corpo do pai. Aquele foi um dia a parte e fiz o que meu coração mandou. Desde aquele dia, meu Mjolnir está com o meu ex, eu o coloquei em seu pescoço pouco antes de ir embora, depois de levá-lo em casa e entregá-lo à mãe. Eu lhe disse: você precisa de força, fique com ele enquanto precisar.

Ainda em outubro, fui ao salão do automóvel com meu primo Vinícius. Foi muito divertido, mesmo abatida pela perda do meu ex-futuro-sogro, sair com meu primo foi uma atividade bacana, que me ajudou a seguir.

Novembro: Um mês esquisito, sem meu ex tumultuando o setor, todos lá se voltaram para mim para aquelas tarefas que ele costumava fazer. Aqueles que não gostavam da gente, aproveitaram para iniciar um ataque em massa à minha pessoa. Final de semestre tenso na faculdade. Fiquei doente, tomei um remédio que me deixou de mla humor, judiei dos meus melhores amigos. Peço desculpa a todos. Para um, que mais pisei na bola, já me desculpei pessoalmente. Ele foi realmente um amigo nesse período.

Nasce o blog Rock me ON! O objetivo é postar as tiras que desenho e mais um pouco!

Dezembro: Meu aniversário chegou e o final do ano, do semestre… ah! Tudo de uma vez e ainda um caminhão bateu no meu carro bem no dia do meu aniversário! Então, não tive um dia muito bom. Poucas pessoas lembraram e agradeço muito por isso, mesmo com atraso.

Está tenso no trabalho, já não falo mais com algumas pessoas que me deixaram triste. Não vale a pena pronunciar nada a eles. Sabem aquele ditado: Não dê pérolas aos porcos. Estou seguindo. Não que eu fale muitas coisas interessantes ou inteligentes, mas creio que dispender meu tempo e minha atenção a essa gente que não merece é errado.

Passei em todas as 4 matérias que me propus a fazer e fiz um city-tour com meus amigos da facul pela Liberdade e Paulista. Foi um dia maravilhoso!

O mês ainda não terminou, mas vou cumprir algo que havia prometido também no ano passado, que é passar o reveillon fora de casa! Vou viajar e estou contente.

Não sei direito quais as minhas promessas para 2011, ainda não pensei nelas.

Mas como vi neste resumo, meu ano não foi ruim e consegui muitas coisas. Algumas ainda não, mas tenho certeza que em 2011 consigo.

Bom, galera, é isso.

Tenham um Natal Feliz!

Tenham um Natal Feliz!

Feliz Natal: Rock me ON!

Que todos tenham um Natal Feliz! keep Rocking!

Protesto!!!

Falta de respeito com @oPalantir! Vamos protestar!

Gandalf, o Sumido!

Gandalf e a cueca do Saruman

A Origem da Maldade do Saruman!

A Origem da Maldade do Saruman!

Ah! Essas chuvas de São Paulo!

 

Chove lá fora, Amor... la la la rá!
Chove lá fora, Amor… la la la rá!

É, galera! Tem chovido muito em São Paulo! Só de bote mesmo!

Cogumelos da Rainha!

Fred Mercury Homenagem...

Fred Mercury Homenagem...

Cogumelos em Crise!

Greenno X Red

Greenno X Red

Bom fds, galera!

Não somos Zumbis! Estudamos no IFSP e é Final de Semestre!

Guilherme Galdino e Priss Guerrero (Rock Me ON staff)
Final de semestre na faculdade é cruel! Estamos com olheiras, parecendo zumbis!

E Com Vocês: Sephiroth!

Ent x Saruman

Saint Seiya, The Lost Canvas: Primeiras Impressões

Oi, pessoal!

Durante esta semana assisti aos 4 primeiros episódios dessa nova fase do anime Saint Seiya. Ainda me recordo bem o quando ansiávamos para que a saga das Doze Casas terminasse logo e bem depois disso, o quanto esperamos (anos!) pela saga de Hades. Após tudo isso, pensei que não haveria mais CDZ. Que bom que eu estava errada!

O logo não mudou muito.

O logo não mudou muito.

Também devo dizer que quando vi Lost Canvas em mangá, não gostei do traço e nem me interessei por ele. Felizmente tenho bons amigos e dois deles me incentivaram a pelo menos conhecer essa nova série: Douglas Lima e Guilherme Gameiro. O primeiro me disse que era uma história nova (eu bem que não acreditei confesso). Já o segundo, me passou os 13 primeiros espisódios animados para assistir. Comecei esta semana e vi 4. Gostei muito!

Não vou postar dados técnicos, como data de lançamento, total de episódios, preguiça de pesquisar. Quero postar minhas impressões sobre esta nova saga.

O traço fino e delicado, ficou muito bonito.

O traço fino e delicado ficou muito bonito.

Então, vamos lá?

A história se passa 200 anos antes da Saga de Seiya e Cia. O cavaleiro de Pégasus dessa época é Tenma, um jovem oriental que ainda não sei porque vive em uma cidadezinha européia na Itália. O curioso é que todos falam japonês nessa cidade, rs.

A animação está muito bonita, com traços leves, até personagens chatos como Athena e o cavaleiro de Unicórnio, conseguem ser carismáticos. Aliás, a grande surpresa está no Unicórnio, Yato. Esquentadinho, cabeça-dura, porém com um coração nobre. Lembra o Jabu, só que consegue ter um carisma que aquele não tinha.

Yato, cavaleiro de Unicórnio. Cenas engraçadas são protagonizadas por ele. Sina da armadura?

Yato, cavaleiro de Unicórnio. Cenas engraçadas são protagonizadas por ele. Sina da armadura?

As armaduras estão com um formato bem diferente também, mostrando que elas se adaptam de acordo com o cavaleiro que a veste. Temos um Pégasus de saiote e roupa vermelha, nisso acho que erraram, visto que o Tenma e o Seiya são dois caras bem diferentes, então o detalhe da roupa vermelha poderia ter sido alterado. Achei forçado o Tenma usar as faixas vermelhas nos pulsos e no braço como o Seiya.

Athena e Pégasus não estão chatos: são carismáticos!

Athena e Pégasus não estão chatos: são carismáticos!

Dohko, o cavaleiro de Libra e futuro mestre do Shiryu é um jovem, molecão e bem impulsivo, não lembra em nada o velho mestre que ficava nos Cinco Picos na China treinando o cavaleiro de Dragão, todo paciente, ponderado e sábio.

Em Jamiel, terra do futuro cavaleiro de áries, Mu, existe uma espécie de tribo/povo que são aliados do Santuário de Athena. O velho mestre de Jamiel detém o conhecimento do Sekishiki, que é a técnica do cavaleiro de Câncer, Máscara da Morte. Pelo que notei, ele possui um pequeno discípulo, mas não dizer se é o futuro Máscara ou o pequeno Mu. Ainda não vi tudo, não posso afirmar.

A esquerda, Dohko de Libra. E a direita, Shion de Áries.

A esquerda, Dohko de Libra. E a direita, Shion de Áries.

 

Até as personagens femininas estão melhor desenhadas e tem um papel maior nesta animação. Por enquanto, não vi nenhuma de máscara.

Yuzu-chan: Lembra a June Camaleão, mas não é ela!

Yuzuhira: lembra a June Camaleão, mas não é ela!

Voltando o cenário para a Grécia, podemos ver um pouco do cotidiano do Santuário, das pessoas que vivem por lá e achei isso bem bacana.

A história se passa rápido, tem um ritmo muito bom e por enquanto, sem enrolações.

Tenma e a armadura de Pégasus do século 18.

Tenma e a armadura de Pégasus do século 18.

O grande inimigo é Hades, que desperta no corpo de Alone (‘Aro-one’), amigo de Tenma. Pandora está perversa e os cavaleiros de Hades são realmente cruéis e não patéticos como na saga que conhecemos. O traçado das sapuris está muito bonito também.

Um dos servos de Hades: Kagaho. A armadura é linda.

Um dos servos de Hades: Kagaho. A armadura é linda.

A trilha sonora é nova, gostei bastante da música de abertura, o ritmo me fez lembrar algumas músicas da banda Kamelot. As músicas tocadas dentro do desenho também estão bem orquestradas e com arranjos muito bonitos.

Bom, pessoal, por enquanto é isso. Estas são minhas primeras impressões sobre Saint Seiya, The Lost Canvas. Aos poucos vou falando mais.

Dohko: esquentadinho, impulsivo e jovem!

Dohko: já usava o chapéu nessa época!

Harry Potter X Gandalf !!!

Rock ON!!!

Rock OFF!!!

%d blogueiros gostam disto: