Tag: VIDEO-GAME

Paraíso dos Jogos Antigos!

Rock ON!!!

Segue link para o paraíso dos jogos antigos, que podem ser jogados diretamente do navegador.

https://archive.org/details/softwarelibrary_msdos_games/v2

Divirtam-se!

molome635559133977190922

Rock OFF!!!

Vovó Moderna!

Rock ON!!!

Eis um mercado de games pouco explorado!

Recebi a imagem via e-mail da amiga Clarice Campos.

Vovó modernizada!

Vovó modernizada!

Desconheço o autor da charge. Mas ficou ótima!
Rock OFF!!!

Análise do jogo Brutal Legend

Aee galera do Rock Me ON!

Estou aqui novamente depois de muito tempo pra fala pra vocês de um dos jogos de mais bom gosto que já joguei ultimamente: “Brutal Legend”. Jogo em terceira pessoa, que a galera pode achar para as plataformas do Xbox 360 e PS3.

Para a galera definir “Brütal Legend” é meio complicado. Apesar de ser num primeiro momento um jogo de pancadaria, a mecânica muda ao desenrolar do game, e chega a partir para mecânicas de jogos de corrida. Além do mais, a outra mudança que a meu ver é considerável, é que se tem aquela manha do famoso “Guitar Hero” que é o apertar de botões em um tempo determinado, e por aí vai. Com o dedo do jogador em cada aspecto da história, há menos distanciamento, menos momentos em que o usuário solta o controle para ver o que está acontecendo e, consequentemente, uma maior aproximação com o que acontece na tela.

No entanto, tal escolha é uma via de mão dupla, já que podem decepcionar vários jogadores, principalmente aqueles que fazem questão de pular diálogos e ir direto aos segmentos interativos. O que pode virar uma experiência superficial se o jogador não entrar no clima do jogo.


O tema de “Brütal Legend” foi ao que mais me agradou .Possui um genuíno amor por rock’n roll, e a figura de Jack Black. Ator de filmes como “King Kong” e “Nacho Libre” não é apenas o dublador da aventura e muitos de seus cacoetes, bordões e gostos aparecem em todos os cantos do game.

História

 
 

Black interpreta Eddie Briggs, o melhor roadie do planeta. O sujeito tem a função de montar o show e fazer com que a banda brilhe da melhor maneira possível, mas ele anda frustrado com os rumos da música. O heavy metal parece estar morto nas mãos de bandas como a Kabbage Boy, que usa DJs e outras tendências modernas, e não há muita esperança com relação a isso. As coisas só mudam depois que um acidente ocorre e Eddie é transportado para um mundo de fantasia que parece ter sido criado a partir de capas de discos de bandas como Iced Earth, Manowar ou Iron Maiden – chamado Mundo do Metal – e se envolve em uma revolução para salvar metaleiros, tietes e outras figuras do mundo da música das garras de demônios e monstros.

A missão se desenrola em um cenário grande e aberto, mais ou menos no estilo “Grand Theft Auto”. Eddie dirige seu carro supertunado chamado The Deuce e pode selecionar missões da história ou outras secundárias. Além das partes de pilotagem, trecho de pancadaria é o que não falta, além de poder tocar solos de guitarra e ouvir o bom e velho heavy metal durante a jogatina.

 

 Por fim, há também segmentos de estratégia que imitam concertos, em que se deve criar torres para angariar fãs e juntar metaleiros para deter inimigos que avançam – tal aspecto da mecânica também se repete no modo multiplayer do , tanto em partidas locais quanto online.

 
 

Nomes de peso

Assim, a dublagem complementa de maneira espetacular os protagonistas. Além de Black, há participações de figuras lendárias da música como Ozzy Osbourne, Rob Halford, Lita Ford e Lemmy Kilmister, além do ator Tim Curry, que foi contratado como vilão do game para evocar qualidades de alguns de seus trabalhos mais célebres, como Senhor das Trevas em “A Lenda” ou o palhaço Pennywise em “It”.

A trilha sonora, claro, não poderia deixar de fora grandes hinos do heavy metal e é complementada por faixas originais, em um total que chega a quase 100 canções. Há desde clássicos de bandas consagradas como Kiss, Black Sabbath, Motörhead, Slayer e Judas Priest a grupos mais recentes como DragonForce, Mastodon e Dethklok.

 

“Brütal Legend” é um jogo obrigatório para quem curte Jack Black, Tim Schafer e heavy metal. Os estilos dos três se fundem de maneira espetacular e criam uma aventura muito divertida, repleta de personagens impagáveis, situações inusitadas e som de primeira. Talvez vá decepcionar aqueles gamers com opinião mais conservadora com relação à jogabilidade, mas é um game que foge um pouco do padrão e recomendo para quem curte os temas.  

 

Falo galera até a próxima!!

fonte: www.uol.com.br

Plants Vs Zombies!!!!

Rock ON!!!

Invadindo na cara dura a coluna do Guilherme Galdino. Mas é para um bom motivo!

Vou falar de um joguinho que meu primo me passou, lá no Natal de 2010, mas que só fui jogar agora e já informo que estou completamente viciada!

Plants vs Zombies, que eu insisto em chamar de Zombies vs Plants… mas enfim, o jogo é super legal e sobretudo viciante!

A entrada do jogo é muito bonita, já é um preview do que você vai encontrar!

A entrada do jogo é muito bonita, já é um preview do que você vai encontrar!

Feito pela PopCap, o jogo tem um visual muito bonito, quase infantil eu diria, pois é muito colorido. Sua jogabilidade é bem simples também, não requer grandes conhecimentos no micro e eu diria que a faixa etária para esse jogo poderia ser dos 10 aos 100 anos!

Não sei o ano de criação, mas suponho que seja de 2009, mas isso pouco importa!

O jogo é muito intuitivo, seu objetivo é defender sua casa do ataque de zumbis famintos! E o que zumbis comem? Cérebros, o seu cérebro, meu caro jogador! E como você fará para se defender? Usando plantas! Sim, você tem um arsenal de plantinhas que atiram, agarram, defendem sua casa do ataque dos zumbis! O divertido é ver os variados tipos de plantas, algumas aquáticas, outras ainda que não sejam plantas, os cogumelos, servem para te proteger durante a noite. Lembre-se: cogumelos pertencem ao reino Fungi e portanto não são plantas! (acho q é o único pecado do jogo).

O jogo é bem colorido: cuide de suas plantas e elas manterão os zumbis longe de você!

O jogo é bem colorido: cuide de suas plantas e elas manterão os zumbis longe de você!

Para te ajudar nesta missão, você ainda conta com seu vizinho completamente maluco, o Crazy Dave. Ele dá dicas, é dono de uma loja onde você pode comprar itens e se aperfeiçoar.

Este é o seu vizinho, Crazy Dave. Fique atento às suas dicas, podem salvar sua pele!

Este é o seu vizinho, Crazy Dave. Fique atento às suas dicas, podem salvar sua pele!

O menu também é muito legal e criativo. Você pode ter acesso à vários locais do jogo. Então concluímos que não é um jogo só, mas vários jogos dentro dele! E aí é o charme de Plants vs Zombies: você termina o modo básico, mas tem outras coisas para fazer além disso! Ou seja, a diversão demora para terminar!

O menu vai abrindo aos poucos, como eu tirei print do que estou jogando, está cheio de coisas!

O menu vai abrindo aos poucos, como eu tirei print do que estou jogando, está cheio de coisas!

Os mini-games são destravados aos poucos, conforme você vai passando de tela ou ainda, quando completa outros joguinhos. Os mini-games também servem para você ganhar algumas moedas e assim poder comprar novos itens que vão te ajudar no jogo, como cartas de plantas, equipamentos para o jardim que combatem os zumbis (muitas vezes um cortador de grama pode salvar sua casa!).

Ainda não destravei todos os mini-games, alguns são bem complicados, mas todos divertidos!

Ainda não destravei todos os mini-games, alguns são bem complicados, mas todos divertidos!

Os puzzles são outra modalidade de jogos, bons para descansar, pensar em estratégias daquela tela que você não consegue passar, etc. Não variam muito, mas vão aumentando o nível de dificuldade conforme são destravados. E assim como os mini-games, quando você consegue completar um puzzle, ganha um troféu!

Use os puzzles para relaxar, não são muito variados, mas divertem!

Use os puzzles para relaxar, não são muito variados, mas divertem!

Agora o modo Survival, como você pode imaginar, é adrenalina pura! Mas este você só abre quando terminar o jogo no modo básico, que também não é lá muito fácil, especialmente as telas que têm neblina (fog) e no telhado (roof).

O modo Survival: difícil, mas não impossível! Mas só para quem já terminou o básico!

O modo Survival: difícil, mas não impossível! Mas só para quem já terminou o básico!

Enfim, Plants vs Zombies é um joguinho muito bacana, que não pode faltar na sua lista para aqueles momentos de puro ócio  ou chateação absoluta! Com ele você vai se divertir, ainda mais com os tipos inusitados de zumbis, como atletas de futebol americano, saltador com varas, zumbi com balde na cabeça, entre muitos outros e o meu favorito, sem dúvida alguma, uma justa homenagem ao rei do pop, Michael Jackson!

Uma das partes mais inusitadas: Michael Jackson dançando Triller!

Uma das partes mais inusitadas: Michael Jackson dançando Triller!

Bom, pessoal, é isso que eu tinha para dizer sobre Plants vs Zombies! O resto agora é com vocês!
E aproveitem o clipe de música que tem quando vocês terminam o jogo, é pra lá de divertido!!!
Ficou com vontade de jogar?Há uma versão web, mas a que estou jogando é para PC. O link para jogar web é: http://www.popcap.com/games/free/pvz e pelo que vi no site, você também pode baixar o jogo.

Matéria dedicada ao Vini Guerrero, meu primo que me passou esse joguinho fantasticamente viciante!

 

UPDATE: 30.12.2017

Nossa! Faz muito tempo desde esse post! Hoje o jogo pode ser encontrado para celular, desktop etc.

Vim aqui porque recebi um gentil email de Katie Browning me alertando sobre a mudança de link do jogo e a compra do mesmo pela EA.

Muito obrigada pela informação, estou atualizando aqui o link para adquirir o jogo no site da EA:

https://www.ea.com/pt-br/games/plants-vs-zombies/plants-vs-zombies-2

E o Link que a Katy me passou, onde é possível jogar online:

http://www.crazygames.com/game/plants-vs-zombies

 

Muito obrigada e Feliz 2018!

Thank you Katy! 😀

 

 

 

 

 

 

Rock OFF!!!

A SAGA DA REMATRÍCULA NO IFSP… SE FOSSE UM CENÁRIO DO JOGO DO MÁRIO…

Pensou que o Vestibular do IFSP era difícil? Experimenta conhecer a Rematrícula!

Pensou que o Vestibular do IFSP era difícil? Experimenta conhecer a Rematrícula!

%d blogueiros gostam disto: